Vale a pena comprar o Chromecast 2 ou esperar o Chromecast Ultra?

Na última terça-feira (4), o Google realizou um evento para apresentar seus novos produtos. Uma das novidades mostradas foi o Chromecast Ultra, nova geração de seu famoso dongle HDMI, que transforma TVs comuns em Smart TVs. As vendas começarão em novembro, a princípio apenas nos Estados Unidos, e o valor sugerido deste produto é de US$ 69, cerca de R$ 220 em conversão direta.

Atualmente, no Brasil, a companhia vende o Chromecast 2, pelo preço sugerido de R$ 399. Entretanto, é possível encontrá-lo por um preço mais baixo em algumas lojas do varejo ou durante promoções. Com o lançamento da nova versão, alguns usuários podem ficar em dúvida se compram o Chromecast 2 ou se esperam o Chromecast Ultra chegar ao Brasil. Veja as diferenças entre os dois dongles e qual vale mais a pena para você.

Chromecast Ultra traz imagens em 4K (Foto: Reprodução/Google)

Chromecast Ultra traz imagens em 4K (Foto: Reprodução/Google)

O que há de novo no Chromecast Ultra?

A principal novidade do Chromecast Ultra em relação ao Chromecast 2 é a capacidade do dispositivo de fazer streaming de conteúdos na resolução 4K, que é quatro vezes maior que o Full HD. Assim, se você possui uma TV com suporte a 4K, o Chromecast Ultra pode ser interessante, já que ele será capaz de transmitir filmes, séries e gravações caseiras nesta resolução.

Chromecast Ultra trará os filmes 4K para a sua TV (Foto: Reprodução/YouTube)

Chromecast Ultra trará os filmes 4K para a sua TV (Foto: Reprodução/YouTube)

Entretanto, se a sua TV não é 4K e você não tem a intenção de adquirir uma num futuro próximo, o principal atrativo do Chromecast Ultra deixa de fazer sentido. Outro ponto a levar em consideração é que, atualmente, a quantidade de conteúdo em 4K ainda é bem reduzida.

Para quem não tem uma televisão 4K, o Chromecast Ultra tem uma solução. Por meio das tecnologias HDR e Dolby Vision, o dongle é capaz de configurar automaticamente a sua TV para que ela exiba sempre a melhor qualidade de imagem possível, com cores vivas e profundas.

Apesar disso, se você não tem uma TV 4K e não se incomoda em assistir a grande maioria dos filmes e séries em Full HD, o Chromecast 2 será mais do que suficiente e atenderá todas as suas necessidades neste aspecto.

O que mais há de novo?

Além da capacidade de transmitir conteúdo em 4K e de contar com as tecnologias para melhoria de imagem HDR e Dolby Vision, o Chromecast Ultra está 1,8 vezes mais rápido que seu antecessor.
Outra novidade interessante do Ultra é um adaptador Ethernet. Até a versão anterior, a única conectividade do dongle era Wi-Fi. Porém, como conteúdos em 4K são bem maiores do que os Full HD, a rede sem fio poderia não suportar o streaming desse tipo de conteúdo sem engasgos.

Por isso, o Google incluiu nesta nova geração a possibilidade de ligar o Chromecast ao seu roteador diretamente pelo cabo Ethernet, por meio de um adaptador que é plugado na porta micro USB do dispositivo. Assim, as transmissões ficam muito mais estáveis e confiáveis.

Agora ele também se conecta ao roteador por meio de um cabo Ethernet (Foto:Reprodução/YouTube)

Agora ele também se conecta ao roteador por meio de um cabo Ethernet (Foto:Reprodução/YouTube)

Resumindo: vale a pena?

Se você possui uma TV 4K, sim, vale a pena esperar a chegada do Chromecast Ultra. Isso por que a tendência é que a quantidade de conteúdo disponível nesta resolução só cresça. O próprio Google informou que o Google Play Filmes terá diversos títulos em 4K até o final do ano. Além disso, serviços como Netflix já oferecem alguns títulos com esta qualidade.

No entanto, se a sua TV ainda não é 4K e você não pretende trocá-la tão cedo, então não há necessidade de se comprar o Chromecast Ultra. A segunda geração do dongle HDMI dará conta do recado perfeitamente. Outro aspecto a ser considerado é o fato de que o novo produto ainda deve demorar um pouco para chegar ao Brasil e que seu preço de lançamento deve ser um pouco mais alto.

Fonte: TechTudo – Autor: Felipe Alencar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *